Gosto

Eu não amo você, mas toda vez que tomo um café forte vem-me a lembrança de tua voz: Nossa, como você gosta de tomar essa tinta amarga?

Eu te esqueci, mas toda vez que vejo um quadro lembro… Porra, ela desenhava bem pra caramba.

Eu te escrevi, em metade de meus versos publicados!

Eu sonhei com você, em um amor perdido maltratado.

Percebo que mesmo que eu desgoste de ti, eu gosto ainda mais de ti.

E quando mil anos a frente,  textos em nuvem achados.

Perceberão que um profundo amor foi eternizado.

 

 

 

 

3 comentários em “Gosto

Adicione o seu

Deixe uma resposta para aqueleseuamigo Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: