Hollow

Você percebe que
Alguma coisa
Bem importante
Está quebrada
Dentro de si
Quando não é mais
Capaz de sentir
Aquela paixão
Ávida, louca, infrene
Dos velhos tempos
Da adolescência

Os lances são gélidos
Com sorrisos amarelados
Elas vêm e vão
Falam e beijam
Pedem e dão
Mordem e cheiram.
Só não me comovem
Nem tiram o fôlego
Não me sinto apto
Pra falar de sentimentos
Não me sinto inclinado
A caminhar pelo fogo

Se insisto, nada sinto
Agora, descobri o porquê
Uma peça importante
Foi escangalhada
Em algum momento
Da minha caminhada.
Já nem lembro mais
Como devo corrigir
Se é possível recuperar
Ou o que devo admitir
Apenas levanto e sigo
Com o sorriso amarelado
Fumo, caminho e “vivo”

3 comentários em “Hollow

Adicione o seu

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: